WWW.THESES.XLIBX.INFO
FREE ELECTRONIC LIBRARY - Theses, dissertations, documentation
 
<< HOME
CONTACTS



Pages:     | 1 |   ...   | 91 | 92 || 94 | 95 |   ...   | 153 |

«FICHA TÉCNICA Título Segurança e Higiene Ocupacionais - SHO 2012 - Livro de Resumos Autores/Editores Arezes, P., Baptista, J.S., Barroso, M.P., ...»

-- [ Page 93 ] --

A workplace risk assessment should be undertaken; defined as a systematic procedure for analyzing the work components, to identify and evaluate risks and safety features (Harms-Ringdahl, 2001 apud Reinhol & Tint, 2009). The variables that determine a good working visual environment are: the even distribution of luminance, proper lighting, the absence of reflections, the right direction of light, no flicker, appropriate choice of lamp color, availability of natural light (Eklund, Boyce, Simpson, 2001; Fontoynont, 2002; Helland, Horgen, Kvikstad, Garthus, Bruenech, Aarås, 2008; Roche, Dewey, Littlefair, 2000; Smith, 2000 apud Reinhold & Tint, 2009).

Proper lighting is a prerequisite for obtaining a good working environment (Miguel, 2010). Hospital lighting must be appropriate for the various needs of its users (patients, workers and visitors), as well as providing sufficient lighting to ensure that the diverse activities/tasks are performed properly (Moore, 2009).

2. MATERIALS AND METHOD

A descriptive study was developed to review lighting in Portuguese maternity operating rooms. Four operating rooms assigned to gynaecology / obstetrics services were evaluated. Luminance measurements were recorded at different points in operating rooms in order to be representative, including on the action plan (operating table) and surrounding areas.

The same number of measurement points were taken in all operating rooms to facilitate comparison of results between rooms and create uniformity between measurements.

The measurements were made using a meter lux Hagner brand, model EC1 and confirmed with meter lux brand Gossenr, model Mavolux 5032C, serial number 4D1008, possessing the Calibration Certificated with number COTP126/08 issued on April 2008.

3. RESULTS AND DISCUSSION

All measurements were made in May 2010.

Measurements were recorded at the medical support carts (mobile equipment) and above the luminaries, the results are presented in Table 1.

–  –  –

Data shows that the lowest recorded of lighting level was under the medical support carts at the Obstetrics B operating room, which is a location where material selection is considered a very accurate task, with the need to check the validity products and equipment to be used.

All operating rooms had surgical lamps to illuminate the operating table, with one or two light bulbs, as needed. The results of measurements of surgical lamps are shown in Table 2.

–  –  –

It was found that the majority of cases are below the normative recommended values, even when two surgical lamps are present.

4. CONCLUSIONS The luminance of the surrounding lighting, or supplementary general lighting in the operating room should be 1000 lx (DIN 5035 Part 3, EN 12464-1:2002, ISO 8995:2002). Luminance in the operating field should be between 20 000 to 100 000 lx (DIN 5035 Part 3). Results show that lighting conditions fall below these recommended guidelines.

According to the observations made corrective measures should be taken. Not only concerning the lighting in the operating field but also the surround lighting in operating room, since there is an extreme difference of luminance between these two areas and this could lead to worker eye fatigue due to constant re-adaptation of the eyes (EN 12464The following are some changes to be implemented; increasing luminance values to the recommended standards;

positioning the ceiling lamps closer to the operating table and a choice in the lamp colour that ensures the same luminance at the operating table and the surround areas.

5. REFERENCES DIN 5035 Part 3 – Artificial lighting of interiors. Hospital lighting.

ISO 8995:2002 - Lighting of work places. Part 1: Indoor EN 12464-1:2002 -Light and lighting. Lighting of workplaces. Part 1: Indoor Work Places Miguel, A. Manual de Higiene e Segurança no Trabalho. 10ª edição. Porto: Porto Editora; 2007 Morghen I., Turola, M.A., Forini, E., Di Pasquale, P., Zanatta, P. & Matarazzo, T., III-Lighting syndrome: prevalence in shift-work personnel in the anesthesiology and intensive care department of three Italian hospitals. Journal of Occupational Medicine and Toxicology, 4(6), pp 1-6, 2009.

Moore, D. Book review: Lighting Guide 2: Hospitals and Health Care Buildings, The Society of Light and Lighting — (2008), 87 pp, ISBN 978-1-903287-99-6, Lighting Research Technology, 41, pp. 199-200, 2009.

Pais, A. & Melo, R.B., Lighting conditions in an office environment on visual comfort. Proc. of the International Symposium on Occupational Safety and Hygiene, eds. P. Arezes, J.S. Baptista, M.P. Barroso, P. Carneiro, P. Cordeiro, N. Costa, R. Melo, A.S.

Miguel. & G.P. Perestrelo, Sociedade Portuguesa de Segurança e Higiene Ocupacionais: Guimarães, pp. 456-459, 2011.

Reinhold, K. & Tint, P., Lighting of Workplaces and Health Risks. Electronics and Electrical Engineering, 2(90), pp 11–14, 2009.

van Bommel, W., Non-visual biological effect of lighting and the practical meaning for lighting for work. Applied Ergonomics, 37, pp.

461-466, 2006.

Occupational Safety and HygieneInternational Symposium on

Análise dos Problemas Ergonômicos: Aplicação do Método Rapid Upper Limb Assessment em um Hospital de Paulo Afonso/BA – Brasil Ergonomic Problem Analysis: Applying the Rapid Upper Limb Assessment Method in a Hospital of the Paulo Afonso/BA - Brazil Monteiro, Luciano Fernandesa, Martins, Felipe Andradeb, Mattosinho, Cynthia Marise dos Santosc, Cavalcanti, Sandra Limad, Santos, Maria Betania Gamae, Franca, Veruschka Vieira f a UFS - Universidade Federal de Sergipe, Núcleo de Engenharia de Produção, Cidade Universitária, São Cristovão/SE, Brasil. Email: lucianofm@ufs.br; b UFS - Universidade Federal de Sergipe, Núcleo de Engenharia de Produção, Cidade Universitária, São Cristovão/SE, Brasil. Email: felipe.amartins@yahoo.com.br; c FASETE - Faculdade Sete de Setembro, Paulo Afonso/BA, Brasil. E-mail: cymattosinho@hotmail.com; d FASETE - Faculdade Sete de Setembro, Paulo Afonso/BA, Brasil. E-mail: eu.sanmeure@hotmail.com; e UFCG – Universidade Federal de Campina Grande - Unidade Acadêmica de Engenharia de Produção,Av. Aprígio Veloso, nº 882, Bairro Universitário, Campina Grande/PB, Brasil.





E-mail: betaniagama@uaep.ufcg.edu.br; f Núcleo de Engenharia de Produção, Universidade Federal de Sergipe – UFS.

Cidade Universitária, São Cristovão/SE, Brasil. Email: veruschka@ufs.br

1. INTRODUÇÃO As mudanças socioeconômicas e tecnológicas que estão se desenvolvendo no mundo, inclusive no campo do trabalho, configura um cenário de decorrentes transformações. A preocupação das empresas em aumentar a produtividade acaba deixando em segundo plano as condições de trabalho e, na medida em que essas alterações ocorrem, é desenvolvida uma sobrecarga aos trabalhadores. Atualmente os estudos ergonômicos vêm contribuindo para o bem estar físico e psíquicomental dos trabalhadores dos diversos setores da economia.

Segundo a definição da International Ergonomics Association (IEA), de 2000, a ergonomia é “a disciplina científica que estuda as interações entre os seres humanos e outros elementos do sistema e a profissão que aplica teorias, princípios, dados e métodos a projetos visando otimizar o bem estar humano e o desempenho global de sistemas”. A Ergonomia pode ser subdividida nos seguintes domínios especializados: ergonomia física, que estuda a adaptação do trabalho às atividades físicas realizadas; ergonomia cognitiva, que estuda as relações entre as pessoas e outros elementos de um sistema e a ergonomia organizacional, que estuda a relação entre os trabalhadores e a estrutura organizacional na qual estão inseridos. A atuação ergonômica possui uma característica interdisciplinar e multidisciplinar, pois se baseia em diversas áreas do conhecimento humano aplicado na adaptação do posto de trabalho e do ambiente organizacional.

De acordo com Falzon (2007), a ergonomia visa atender a dois objetivos principais: um centrado nas pessoas (segurança, saúde, conforto, facilidade de uso, satisfação e interesse do trabalho) e outro centrado nas organizações e no seu desempenho (eficiência, produtividade, qualidade, confiabilidade). Cordeiro (2006) apresenta uma análise, em que a ergonomia tem como alvo a melhoria das condições específicas de trabalho do homem seja qual for sua linha de atuação, estratégia ou métodos que utiliza. Desta maneira, sua proposta básica é estabelecer um padrão de interatividade entre o homem e seu trabalho de forma saudável sem o prejuízo de sua saúde.

Em decorrência disso, a busca pela qualidade de vida no trabalho tem sido motivada por diversos fatores, tais como fadiga física e mental, excesso de horas de trabalho, o que acaba influenciando em elevados índices de acidentes de trabalho. Diante disso, o presente trabalho tem como objetivo realizar algumas considerações importantes sobre a ação ergonômica e as implicações sobre as cargas do trabalho com o intuito de enfatizar os problemas ergonômicos em um setor de faturamento de um Hospital da cidade de Paulo Afonso/BA/Brasil, analisando possíveis inadequações do ambiente e sugerindo algumas recomendações. Busca-se analisar quais as situações causadoras de lesões ou afastamentos relacionados ao trabalho, utilizando a técnica ergonômica Rapid Upper Limb Assessment (RULA).

2. MATERIAIS E MÉTODOS O estudo em questão foi desenvolvido no Hospital Nair Alves de Souza (HNAS), uma empresa de economia mista, localizado na cidade de Paulo Afonso/BA/Brasil e que é subsidiado pela Companhia Hidroelétrica do Rio São Francisco (CHESF). O hospital realiza serviços públicos, como por exemplo, o atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS).

Atualmente possui cerca de 400 funcionários distribuídos em toda área hospitalar. Dentre inúmeros setores existentes, optou-se por trabalhar com o setor de faturamento da instituição que apresenta uma carga excessiva de atividades pelo fato de que é nesse setor onde são recebidos todos os procedimentos provenientes de todas as áreas e são transformados em contas médicas com base em tabelas pré-estabelecidas pelo SUS, que detalham os seus respectivos valores hospitalares e profissionais. Todos esses processos acontecem em curtos períodos, uma vez que sua apresentação se dá mensalmente e com prazos de entrega previstos em calendário oficial o que acaba gerando uma rotina exaustiva para a equipe.

A pesquisa foi realizada durante os meses de setembro, outubro e novembro de 2010, e para a obtenção dos dados foram realizadas entrevistas com a coordenadora da equipe, aplicação de questionários para os demais funcionários, monitoramento da execução das atividades e análise do ambiente físico, tudo isso com a finalidade de identificar os riscos músculo-esqueléticos decorrentes das operações. Para a análise dos dados foi adotado o método ergonômico RULA. Segundo Hembecker, (2006) esse método foi desenvolvido por Mc Atamney e Corlett, em 1993, com objetivo de ser utilizado em avaliações ergonômicas gerais de postos de trabalho onde existem as possibilidades de desenvolvimento de doenças osteomusculares em membros superiores. Segundo Pavani (2007), essa assertiva evidencia-se pelo fato de que o output principal do método é identificar a necessidade de uma análise mais profunda dos fatores de risco específicos com outros métodos de maior sensibilidade, sendo um instrumento de investigação genérica como o de outros checklists. O método possui três fases distintas: identificação das posturas de trabalho; aplicação do sistema de pontuação; e aplicação de uma escala de níveis de atuação. A aplicação desta metodologia se dá através do registro das diferentes posturas do trabalho observadas, sendo classificadas por um sistema de escores, usando-se diagramas de postura do corpo e tabelas que avaliam o risco de exposição a fatores de cargas externas.

Os materiais utilizados para a realização deste trabalho foram: balança, para verificação da massa corporal dos colaboradores e do peso dos materiais que são carregados pelos mesmos; cronômetro, para verificação do número de repetições por minutos; câmera, para os registros fotográficos. O método RULA, já mencionado anteriormente, fornece um sistema de classificação com base em parâmetros pré estabelecidos, no qual possibilita expor alguns pontos críticos decorrentes do numero de movimentos, posição estática, força, postura, dentre outros fatores que contribuem para as doenças ocupacionais. (MC ATAMNEY e CORLETT, 1993).

3. RESULTADOS E DISCUSSÕES

O setor de faturamento, alvo da pesquisa, funciona de segunda a sexta em turnos de 8 horas, sendo composto por cinco funcionários, identificados posteriormente como A, B, C, D e E, distribuídos nas seguintes funções: coordenador, auxiliares administrativos e digitadores. Na entrevista realizada com a coordenadora, foram analisados alguns aspectos em relação ao ambiente, com base nas satisfações gerais do grupo, pontuando-se em uma escala de 0 (insatisfeito) a 10 (satisfeito). De acordo com os resultados obtidos, constatou-se que a empresa deve investir mais nos seguintes aspectos:

mobiliários, cursos e treinamentos, remuneração, postura organizacional, equipamentos e os movimentos repetitivos.

Analisando esses fatores, verificou-se que todos estão com pontuação abaixo de 5, o que indica uma provável insatisfação dos trabalhadores no ambiente. Esses aspectos, na opinião dos colaboradores, são pontos que precisam melhorar para aumentar a satisfação geral. Com o intuito de averiguar quais as regiões onde os colaboradores sentem mais desconforto, foi desenvolvido uma pesquisa com os funcionários para identificar essas questões, onde para tal finalidade utilizou-se uma escala de 0 (confortável) a 7 (totalmente desconfortável), conforme ilustra o Gráfico 1.

Figura 1 - Regiões de Desconforto

Os resultados mostraram que a região em que os colaboradores sentem mais desconforto são os membros superiores.

Para avaliar o nível desse incômodo foi utilizado o método RULA. As tarefas desempenhadas foram avaliadas de acordo com os critérios baseados no Quadro 1.

–  –  –



Pages:     | 1 |   ...   | 91 | 92 || 94 | 95 |   ...   | 153 |


Similar works:

«ALAN WILSON A TIORNEY GENERAL April 23, 2013 The Honorable J. Yancey McGill Senator, District No. 32 P. 0. Box 142 Columbia, South Carolina 29202 Dear Senator McGill: You seek an opinion regarding the effects on projects approved in an initial referendum to impose a one cent sale tax pursuant to Section 4-10-300, et seq. of the South Carolina Code.By way of background, you provide the following information in your letter: As you [are] aware, Section 4-10-300, et seq. of the South Carolina Code...»

«Semantic Software Technologies: August 5th 2010 Landscape of High Value Applications for the Enterprise by Lynda Moulton, Senior Analyst and Consultant Outsell’s Gilbane Group: Multi-client Study Gilbane Group gratefully acknowledges the support of the sponsors of the research informing this report. This work would not have been possible without them. Please see the Vendor Deep Dives section of the report for detailed descriptions of these search suppliers and their offers. Gilbane Group Inc....»

«REGIONAL FURNITURE THE R E G I O N A L F U R N I T U R E SOCIETY FOUNDED 1984 DR B. D. COTTON President MR V. CHINNERY Vice President COUNCIL Chairman M R C. CLAXTON STEVENS Hon. Secretary M R S. GREEN Hon. Treasurer M R P. COLLINS Hon. Editor M R D. JONES Hon. Newsletter Editor M R J. BORAM Hon. Membership Secretary M R S B. COTTON Hon. Bursary Secretary MISS R. DANIELS Hon. USA Members Secretary M R J. PROWN Mr M. Legg Mr C. Currie Mr G. Olive Mr D. Dewing Mr K. Pinn Mr S. Feingold Mrs...»

«EDUCACIÓN y TRABAJO Una articulación imprescindible para el desarrollo humano DOCUMENTO DEL COLOQUIO ORGANIZADO POR EL MINISTERIO DE EDUCACIÓN Y CULTURA 8 DE DICIEMBRE 2010 / MONTEVIDEO, URUGUAY Ricardo Ehrlich Ministro María Simon Subsecretaria Pablo Álvarez Director General de Secretaría Luis Garibaldi Director de Educación Uruguay. Ministerio de Educación y Cultura. Dirección de Educación. Área de Educación No Formal Educación y trabajo: una articulación imprescindible para el...»

«Collaboratively Assessing Information Quality on the Web Research-in-Progress Hongwei Zhu Old Dominion University Yinghua Ma Shanghai Jiaotong University Guiyang Su Shanghai Jiaotong University sigIQ pre-ICIS workshop 2011 0 Collaborative Assessing Information Quality on the Web Collaboratively Assessing Information Quality on the Web Research-in-Progress Introduction As the amount of information on the Web continues to grow, it is critical that we know the quality of the information in order...»

«Check out these links for many slow cooker recipes!! http://allrecipes.com/directory/43.asp?tsrc=rn http://busycooks.about.com/od/healthycrockpotrecipes/a/healthycrockpot. htm http://busycooks.about.com/od/healthycrockpotrecipes/a/morehealthcrock. htm Walnut Raisin Apple Bake 1/2 cup apple cider Juice of 1 lemon 2 teaspoons maple syrup 2 tablespoons raisins 1 tablespoon dark brown sugar 1 teaspoon ground cinnamon 1 teaspoon ground walnuts 4 large Macintosh apples, cored Pour the cider, lemon...»

«Adv Polym Sci (2013) 253: 37–70 DOI: 10.1007/12_2012_169 # Springer-Verlag Berlin Heidelberg 2012 Published online: 24 May 2012 Chemical Strategies for the Synthesis of Protein–Polymer Conjugates Bj€rn Jung and Patrick Theato o Abstract Protein-polymer conjugates have achieved tremendous attention in the last few years. The synergistic combination of properties has led to certain advantages in bio-applications. Over the past few years, numerous chemical strategies have been developed to...»

«Philos Stud DOI 10.1007/s11098-009-9486-3 Metaphor and minimalism Josef Stern Ó Springer Science+Business Media B.V. 2009 Abstract This paper argues first that, contrary to what one would expect, metaphorical interpretations of utterances pass two of Cappelan and Lepore’s Minimalist tests for semantic context-sensitivity. I then propose how, in light of that result, one might analyze metaphors on the model of indexicals and demonstratives, expressions that (even) Minimalists agree are...»

«PR12/ Captain George Berkeley Papers Descriptive List Cork City and County Archives Ref. IE CCCA/PR12 Identity Statement Area IE CCCA/PR12 Reference Code: Captain George Berkeley Title: 1914-1916, 1920-1921 (1930s-40s) Dates: Fonds Level of description: 213 items plus 5 boxes of additional material Extent and medium: All Rights Reserved © Cork City and County Archives 2005 -1PR12/ Contents Identity Statement Area Contents Context Source of Acquisition/Archival History Biographical History...»

«If Barbie were a reindeer: How gender representations in Rudolph exemplify the need for teaching media literacy KATIE BECK / DECEMBER 18, 2002 Numerous studies have shown that heavy media intake can alter how a person views the world. For example, people who watch a lot of television believe society is more violent than it truly is (otherwise known as the “mean world effect”). With this perception, they are more likely to be cautious and distrustful of other people. When applied to gender,...»

«I N RO O M D I N I N G We are pleased to offer our In-Room Dining and Hospitality Catering Menu. In-Room Dining is available 6am to 10:30pm Daily Listed within the menu are individual service times for each meal period. Contact Extension 22 to place your order. Spencer's uses only the highest quality 21-to-28-day aged, locally-sourced, USDA Natural and Organic steaks and chops. Our meats are prepared on our 1600˚ infrared broiler, ensuring juiciness, tenderness and flavor. This is the ultimate...»

«JUDGEMENT SUMMARY TRIAL CHAMBER (Exclusively for the use of the media. Not an official document) United Nations Nations Unies The Hague, 29 November 2012 Retrial Judgement Summary for Ramush Haradinaj, Idriz Balaj and Lahi Brahimaj International Criminal Tribunal for the former Please find below the summary of the Judgement read out today by Judge Moloto. Yugoslavia Tribunal Pénal This Chamber is sitting today to deliver Judgement in the trial of the three accused persons, International pour...»





 
<<  HOME   |    CONTACTS
2016 www.theses.xlibx.info - Theses, dissertations, documentation

Materials of this site are available for review, all rights belong to their respective owners.
If you do not agree with the fact that your material is placed on this site, please, email us, we will within 1-2 business days delete him.