WWW.THESES.XLIBX.INFO
FREE ELECTRONIC LIBRARY - Theses, dissertations, documentation
 
<< HOME
CONTACTS



Pages:     | 1 |   ...   | 63 | 64 || 66 | 67 |   ...   | 153 |

«FICHA TÉCNICA Título Segurança e Higiene Ocupacionais - SHO 2012 - Livro de Resumos Autores/Editores Arezes, P., Baptista, J.S., Barroso, M.P., ...»

-- [ Page 65 ] --

3. RESULTADOS E DISCUSSÃO Das observações realizadas, foi possível identificar que a actividade mais realizada por este conjunto de trabalhadores é a limpeza e desobstrução de coletores com apoio da viatura. Esta é uma atividade muito exigente do ponto de vista mecânico, uma vez que envolve a manipulação manual de cargas impondo a adopção de posturas inadequadas/penosas, sujeitando os trabalhadores à ocorrência de riscos de lesões músculo-esqueléticas.

A fim de compreender a relação entre a idade e a capacidade de trabalho dos trabalhadores, foi aplicado o questionário ICT, que consiste na auto-avaliação da sua própria capacidade de trabalho. A maioria dos trabalhadores assumiu boa perceção da sua capacidade de trabalho (tabela 1).

–  –  –

4. CONCLUSÃO Este estudo utilizou a metodologia de análise ergonómica do trabalho no contexto profissional do setor do saneamento dos SMAS de Oeiras e Amadora, tendo em vista propor medidas de melhoria das condições de trabalho destes operadores.

De acordo com os resultados estatísticos obtidos, podemos afirmar que não existe uma relação direta entre a idade e a capacidade de trabalho destes trabalhadores.

Os resultados obtidos através da observação e da aplicação dos instrumentos de avaliação da exposição, indicaram que as condições de trabalho dos operadores impõem a adoção de posturas inadequadas/penosas, pois a actividade é muito exigente do ponto de vista físico e mecânico, sendo necessário implementar mudanças imediatas e/ou a curto prazo, nomeadamente estudar a possibilidade de implementar meios mecânicos auxiliares das tarefas. Na impossibilidade de implementação destes meios, e sabendo que não é possível modificar as posturas na realização da tarefa, devem ser aplicadas medidas de gestão dos recursos humanos, relativamente à organização do trabalho, tais como introdução do trabalho rotativo e de equipas polivalentes, com o objetivo de diminuir o tempo de exposição a riscos de natureza biomecânica associados à ocorrência de lesões músculo-esqueléticas. A reforçar estas medidas organizacionais consideramos importante dar continuidade à formação dada a estes operadores, no que respeita à movimentação manual de cargas.

Entendemos ainda relevante tomar em consideração a evolução natural da perceção subjetiva da capacidade de trabalho à medida que a idade aumenta. Ora, sabendo que este trabalho é muito exigente em termos físicos questionamos: poderão os operadores realizar o mesmo trabalho daqui a dez/quinze anos com a mesma intensidade de carga mecânica a que estão expostos atualmente? Serão estes trabalhadores capazes de realizar a sua atividade daqui a dez/quinze anos com segurança e saúde, tendo em conta a atividade atualmente desempenhada?

5. AGRADECIMENTOS À Profª. Doutora Filomena Carnide pelo apoio no tratamento dos dados aquando da utilização do instrumento de avaliação REBA Aos Recuros Humanos dos SMAS de Oeiras e Amadora envolvidos no estudo, pela disponibilidade mostrada;

À Drª Cláudia Costa, Técnica Superior de Higiene e Segurança no Trabalho dos SMAS, por todos os dados fornecidos essenciais à realização deste estudo.

Occupational Safety and HygieneInternational Symposium on

6. REFERÊNCIAS Drees, Dares, & Poste. (2003). Appel à projets de recherche lancé par la MiRe-DREES, la DARES et la Mission Recherche de La Poste. Paris: Ministère des Affaires Sociales, du Travail et de la Solidarité et Ministère de la Santé, de la Famille et des Personnes Handicapées.

Eurofound (2011) Work and health: A difficult relationship? Eurofound, Dublin European Working Conditions Survey (2010). http://www.eurofound.europa.eu/surveys/excs/2010/index.htm. Acedido em 2011709/15.

Eurostat Labour Force Survey (2011). Employment rate of older workers http://epp.eurostat.ec.europa.eu/statistics_explained/index.php/Sustainable_development_Demographic_changes#Employment_rate_of_older_workers. Acedido em 2011/09/15.

Hignett, S. & McAtamney, L. (2000). Technical note. Rapid Entire Body Assessment (REBA). Applied Ergonomics, 31, 201-205;

Paumès, D. (1995). L’expression du vieillissement au travail: présentation de deux études menées auprès de contrôleurs aériens. In Jean-Claude Marquié, Dominique Paumès e Serge Volkoff (Eds.), Le travail au fil de l’âge (pp. 305-327). Toulouse: Octares Éditions.

Ramos, S. & Lacomblez, M. (2005). Envelhecimento, trabalho e cognição: 80 anos de investigação. Laboreal, 1, (1), 52-60.

Silva, C.F., Rodrigues, V., Sousa, C., Cotrim, T., Rodrigues, P., Pereira, A. et al (2006). Índice de Capacidade para o Trabalho Portugal e Países de Língua Oficial Portuguesa (A.M. Alves, Trans., 1st ed). Portugal: FCT.

Volkoff, S., Molinié, A.-F., & Jolivet, A. (2000). Efficaces à tout âge? Vieillissement démographique et activités de travail. Paris:

Dossier nº 16 du Centre d’Études de l’Emploi.

Capacidade de Trabalho em Enfermeiros e Percepção do Risco na Movimentação Manual de Doentes Work Ability and Patient Handling Occupational Risk Perception among Nurses Francisco, Cláudiaa; Cotrim, Teresabc; Correia, Lídia a; Fernandes da Silva, Carlos d a Hospital Garcia de Orta, EPE, Av. Torrado da Silva, 2800 Almada, csfrancisco@hgo.min-saude.pt; lcorreia@hgo.minsaude.pt; bSecção de Ergonomia, Faculdade de Motricidade Humana, Estrada da Costa, Cruz Quebrada, tcotrim@fmh.utl.pt; c CIPER, Estrada da Costa, Cruz Quebrada; d Departamento de Ciências da Educação, Universidade de Aveiro, csilva@ua.pt





1. INTRODUÇÃO Na perspectiva do envelhecimento produtivo, a prevalência de lesões músculo-esqueléticas nos enfermeiros tem assumido uma nova dimensão, pois condiciona frequentemente a capacidade de trabalho em contexto hospitalar, contribuindo para a exclusão destes profissionais (Cotrim, 2008).

A capacidade de trabalho está também significativamente relacionada com a satisfação no trabalho, com o ambiente físico, o apoio psicológico e o tempo dedicado ao exercício físico e estilos de vida saudáveis (Estryn-Behar et al, 2005).

Em enfermeiros, para melhorar e manter a capacidade de trabalho, são recomendadas medidas como: aumentar a capacidade de lidar com as exigências mentais do trabalho em enfermeiros jovens e melhorar a configuração do posto de trabalho para reduzir a carga física em enfermeiros seniores (Chiu et al, 2007).

De facto, os enfermeiros estão expostos a uma multiplicidade de factores de risco ocupacionais, muitos deles motivados pelas elevadas exigências físicas e mentais das tarefas que desempenham. Diversos estudos referem o risco de lesões músculo-esqueléticas (LME’s) relacionadas com a movimentação manual de doentes dependentes.

Assim, desenvolveu-se este estudo no domínio da ergonomia, com a perspectiva de perceber em que medida estão interligadas as variáveis capacidade de trabalho, percepção do risco na movimentação manual dos doentes e satisfação no trabalho dos enfermeiros.

O objectivo geral consistiu em relacionar a capacidade de trabalho dos enfermeiros com a sua satisfação no trabalho, e em relacionar a percepção destes profissionais relativamente aos riscos na movimentação manual dos doentes com as lesões músculo-esqueléticas auto-referidas.

2. MATERIAIS E MÉTODOS A amostra foi constituída por 126 enfermeiros de 8 Serviços de Internamento de adultos do Hospital Garcia de Orta, EPE: Cardiologia, Ginecologia, Hemato-oncologia, Medicina I, Medicina II, Medicina III, Ortopedia e Traumatologia.

Grande parte dos enfermeiros eram mulheres (81%), com uma média etária de 33,7 anos (dp=8,5; min=22; máx=53) e uma antiguidade média no Hospital de 8 anos e meio (dp=6,0; min=0,5; máx=19,0).

De acordo com os objectivos do estudo e com a revisão da literatura, foram utilizados os instrumentos de avaliação que estão descritos seguidamente, e que foram articulados num questionário único.

2.1. Índice de Capacidade para o Trabalho (ICT) Este instrumento constitui a versão Portuguesa do Work Ability Index (Silva et al, 2006).

O Índice de Capacidade para o Trabalho (ICT) descreve a avaliação do trabalhador relativamente à sua própria capacidade para o trabalho. Este instrumento deve ser utilizado no âmbito da Saúde Ocupacional, em simultâneo com avaliações dos locais de trabalho, pretendendo constituir uma ajuda a nível da manutenção da capacidade laboral.

O ICT é composto por 7 itens, baseados na capacidade de trabalho actual, nas exigências físicas e mentais do trabalho, no estado de saúde, absentismo, prognóstico da capacidade para o trabalho e recursos psicológicos do trabalhador.

A pontuação, que varia entre 7 e 49, distribui-se desde uma capacidade de trabalho fraca a uma capacidade de trabalho excelente. Dependendo do nível de capacidade para o trabalho, são preconizadas medidas de intervenção.

2.2. Intervention Evaluation Tool (IET) O instrumento Intervention Evaluation Tool (IET) foi desenvolvido por (Fray e Hignett, 2009) e é constituído por 12

partes. Neste estudo foram utilizadas 3 partes:

• Questionário Nórdico (Standardized Nordic Questionnaire, Kuorinka et al,1987), em versão reduzida, é utilizado para a auto-referenciação da sintomatologia músculo-esquelética dos profissionais. A sintomatologia músculo-esquelética é identificada pelos profissionais nas várias regiões corporais, assim como a incapacidade decorrente para realizar o trabalho. As questões são respeitantes aos últimos 12 meses, aos últimos 7 dias e à incapacidade para realizar o trabalho normal nos últimos 12 meses.

• Questionário de Satisfação e Bem-Estar dos Profissionais, é constituído por 13 questões relativas à satisfação no trabalho.

Occupational Safety and HygieneInternational Symposium on

• Questionário de Percepção dos Profissionais relativamente à Movimentação Manual de Doentes, inclui 9 questões no âmbito dos acidentes na mobilização de doentes, utilização de equipamento de ajuda, interferência das condições de trabalho no posicionamento e conforto do doente.

3. RESULTADOS E DISCUSSÃO

3.1. Índice de Capacidade para o Trabalho A média do Índice de Capacidade para o Trabalho (ICT) foi de 40,14 (dp=4,58), o que indica uma “boa” Capacidade para o Trabalho dos enfermeiros da amostra. Esta média foi superior à encontrada noutros estudos com enfermeiros: Chiu et al, 2007 (38,4), Cotrim, 2008 (38,7). A percentagem de categoria “fraca” (0,9%, n=1) também foi inferior a outros estudos: Costa, 2005 (3,2%), Estryn-Behar et al, 2005 (4,1%) e Cotrim, 2008 (5,0%), o que poderá compreender-se pela elevada percentagem de enfermeiros com idade inferior aos 35 anos (61%).

Os resultados do estudo demonstraram que o ICT diminui com a idade, o que está de acordo com Ilmarinem (2005), Estryn-Behar (2005) e Cotrim (2008). No entanto, não se verificou uma relação de dependência estatisticamente significativa entre as duas variáveis (X2=3,018; gl=3; p=0,389).

3.2. Prevalência de Lesões Músculo-Esqueléticas Da caracterização das LME auto-referidas pelos enfermeiros constatou-se que a coluna vertebral (lombar, cervical e dorsal) e os ombros, representaram as regiões corporais com maior prevalência de LME’s no último ano e nos últimos 7 dias. Contudo, grande parte dos profissionais, referiram que estes problemas de saúde não conduziram a incapacidade ou limitações para o seu trabalho nos últimos 12 meses.

Também outros estudos com enfermeiros obtiveram resultados semelhantes (Fonseca e Serranheira, 2006; Smith et al, 2006).

–  –  –

3.3. ICT e Prevalência de Lesões Músculo-Esqueléticas Na relação entre o ICT e as LME auto-referidas obtiveram-se valores mais elevados de ICT nos enfermeiros sem queixas músculo-esqueléticas. Estas diferenças foram estatisticamente significativas para as regiões com maior prevalência de LME: região cervical (U=1112,0; p=0,009), dorsal (U=1149,5; p=0,029), lombar (U=917,5; p=0,013) e ombros (U=1059,0; p=0,009).

3.4. ICT e Satisfação no Trabalho Os resultados permitiram constatar que o ICT variou com os resultados de Satisfação no Trabalho, tal como nos estudos de Estryn-Behar et al (2005) e de Chiu et al (2007).

Relativamente à satisfação com diversos aspectos relacionados com o trabalho (gosto pelas tarefas (tabela 2), tempo para cumprir as tarefas, etc.), dos enfermeiros “quase sempre” satisfeitos, uma percentagem elevada obteve um ICT satisfatório. O mesmo se verificou para a satisfação relacionada com os colegas (partilha de problemas, apoio de ideias, conflitos, etc) e com a chefia (relação com a chefia e disponibilidade da chefia).

–  –  –

3.5. Questionário de Percepção dos Profissionais na Movimentação Manual de Doentes Apenas 7,5% dos enfermeiros referem ter tido algum acidente de trabalho, nos últimos 12 meses, relacionado com a movimentação manual de doentes.

Neste âmbito, 43% dos enfermeiros referiram já ter usado um método perigoso na mobilização de doentes, ou terem realizado tarefas de mobilização ou transferência de doentes sem utilização de equipamento de ajuda, quando este era recomendado.

No que respeita à relação entre a não utilização de boas práticas e a sintomatologia músculo-esquelética na região lombar, verificou-se que dos enfermeiros sem queixas lombares, grande parte não utilizou métodos perigosos nem mobilizou doentes sem equipamento de ajuda. No entanto, apesar desta tendência, não se verificou uma relação de dependência estatisticamente significativa entre as duas variáveis (Х2=3,213; gl=1; p=0,073).

4. CONCLUSÕES Em termos gerais, o Índice de Capacidade para o Trabalho variou com a idade (o ICT diminui à medida que aumenta a idade) e variou, também, com a satisfação no trabalho (verificaram-se valores mais elevados de ICT satisfatório nos enfermeiros “quase sempre” satisfeitos com o trabalho, com os colegas e com a chefia).



Pages:     | 1 |   ...   | 63 | 64 || 66 | 67 |   ...   | 153 |


Similar works:

«National Unit specification: general information Unit title: Control of Cookery Processes Unit code: FT8F 11 Superclass: NF Publication date: September 2011 Source: Scottish Qualifications Authority Version: 02 Summary This Unit will provide candidates with an in-depth understanding of the physical, chemical and organoleptic changes that occur to a variety of foodstuffs during the cookery process. They will learn to control a range of cookery processes using a minimal amount of energy and...»

«Narrative and Identity Studies in Narrative Studies in Narrative (sin) comprise studies using narratives as approaches or methodological tools to explore aspects of life, language, and literature as well as studies that explore and contribute to the notion of narrative from theoretical and epistemological perspectives. Volumes published in this series draw on a variety of approaches and methodologies cross-fertilizing different traditions and disciplines. Series Editor Michael Bamberg (Clark...»

«WIN, PLACE & SHOW 3M 1966 WIN, PLACE & SHOW admits the player to the fascinating field of horse racing as an owner, handicapper and jockey. Each player receives $50,000 which he uses according to his own strategy to buy good horses in the auction before each race and to make bets based on the various racing qualities of the horses. As an owner, the player may collect the purses won by his horses. As a jockey, he must make all decisions as to lane and space selection for his horse; strategic,...»

«Discover | Learn | Enjoy COMMUNITY ARTS & EDUCATION SPRING & SUMMER 2016 FACULTY OF Education DISCOVER | LEARN | ENJOY WELCOME TO OUR COMMUNITY ARTS & EDUCATION SPRING AND SUMMER PROGRAMME 2016 Once again, our programmes offer a mixture of the new and the familiar. Whether in response to your feedback, or as a result of finding more tutors to add to our provision, we are delighted to be bringing back some old favourites as well as extending our range of courses for you to discover, learn and...»

«COMMUNIQUES FROM THE FAI, ELF & OTHER ATTACKS “.The August insurrection showed up the majority of UK “anarchists” and “revolutionaries” as cowardly citizens who though they like to whine and complain about the “evils” of the world, are fundamentally content as passive slaves. Currently most UK “anarchists” appear happily bitter simply tagging along behind state socialists and liberals as the impotent “good conscience’’ and/or the “rowdy margin’’ who wear black and...»

«Trabajo Fin de Grado La representación de la familia en la ficción televisiva norteamericana: Shameless y la familia disfuncional Autor/es Ricardo Lampérez Valencia Director/es Daniel H. Cabrera Altieri Facultad de Filosofía y Letras Curso 2013 2014 Resumen: El presente trabajo aborda el estudio de las series de televisión norteamericanas desde un punto de vista sociológico y cultural; se pretende elaborar un análisis que sitúe el concepto de familia como centro. Se ha seleccionado la...»

«User Manual Version 13.0 Copyright © 2002-2016, Weird Kid Software LLC Table of Contents 1 INTRODUCTION 1.1 FILES THAT EMAILCHEMY CAN READ 1.2 FILES THAT EMAILCHEMY CAN WRITE 1.3 IMAP SUPPORT. 1.4 TRY BEFORE YOU BUY 2 INSTALLING AND USING EMAILCHEMY FOR THE FIRST TIME EMAILCHEMY FOR MAC IS A.DMG FILE DOWNLOAD A MAC DISK IMAGE. IF YOU HAVE SAFARI SETUP TO OPEN FILES AFTER DOWNLOAD, THE DISK IMAGE WILL MOUNT AND OPEN AUTOMATICALLY. OTHERWISE, JUST DOUBLE-CLICK THE.DMG FILE....»

«Proceedings of the 3rd International RILEM Symposium, Reykjavik, Iceland, 17-20 August 2003, Edited by O. Wallevik and I. Nielsson, (RILEM Publications), 1 Vol., 1048 pp., ISBN: 2-912143-42-X, soft cover PROPERTIES OF FLOWING CONCRETE AND SELF-COMPACTING CONCRETE WITH HIGH-PERFORMANCE SUPERPLASTICIER Dr. R. Sri Ravindrarajah, F. Farrokhzadi and A. Lahoud Centre for Built Infrastructure Research, University of Technology, Sydney, Australia ABSTRACT: Flowing concrete (FC) and Self-Compacting...»

«IDEAL Impact of Distance Education on Adult Learning Distance education in European higher education -the o erReport 1 (of 3) Report 1 (of 3) of the IDEAL (Impact of Distance Education on Adult Learning) project. Project number: 539668-LLP-1-2013-1-NO-ERASMUS-ESIN Authors: Chripa Schneller and Carl Holmberg Published in 2014 by International Council for Open and Distance Education Lilleakerveien 23 0283 Oslo Norway UNESCO Institute for Lifelong Learning Feldbrunnenstrasse 58 20148 Hamburg...»

«Cognitive-Affective Processes -1Cognitive-Affective Processes in Sexual Arousal and Sexual Dysfunction Markus Wiegel, Lisa A. Scepkowski, and David H. Barlow Boston University Boston, MA Cognitive-Affective Processes -2In 1986 Barlow published his model of sexual dysfunction. Cranston-Cuebas and Barlow (1990) summarized the early empirical work supporting this model. The present paper briefly reviews the original model and details the empirical and theoretical work since 1990. Lastly, an...»

«Ellisys Bluetooth Expert Notes Methods for Accessing a Link Key EEN_BT09 – Methods for Accessing a Link Key Foreword Since the advent of Simple Secure Pairing (SSP), Bluetooth engineers have faced a new challenge in debugging Bluetooth devices. SSP simplifies the end user’s pairing experience while providing greater security for the connection, but it inherently presents obstacles to Bluetooth engineers seeking to decrypt analyzer-captured Bluetooth traffic (of course, these obstacles are...»

«Franchising as a Strategy for Combining Small and Large Group Advantages (Logics) in Social Entrepreneurship: A Hayekian Perspective Professor Markus Beckmann Professor for Corporate Sustainability Management Friedrich-Alexander University of Erlangen-Nuremberg Findelgasse 7 90402 Nuremberg Germany Tel. +49 (0) 911 5302 651 Fax: +49 (0) 911 5302 616 E-mail: markus.beckmann@fau.de Anica Zeyen1 Leuphana University Lueneburg Scharnhorststrasse 1 21335 Lueneburg Germany Chair for Corporate...»





 
<<  HOME   |    CONTACTS
2016 www.theses.xlibx.info - Theses, dissertations, documentation

Materials of this site are available for review, all rights belong to their respective owners.
If you do not agree with the fact that your material is placed on this site, please, email us, we will within 1-2 business days delete him.