WWW.THESES.XLIBX.INFO
FREE ELECTRONIC LIBRARY - Theses, dissertations, documentation
 
<< HOME
CONTACTS



Pages:     | 1 |   ...   | 149 | 150 || 152 | 153 |

«FICHA TÉCNICA Título Segurança e Higiene Ocupacionais - SHO 2012 - Livro de Resumos Autores/Editores Arezes, P., Baptista, J.S., Barroso, M.P., ...»

-- [ Page 151 ] --

A possibilidade de associação simultânea e de ação coordenada entre estes dois propósitos de gestão recebe o nome de sinergismo, cujo objetivo final é que a soma das partes (cada propósito de gestão) seja maior que a atuação isolada de cada uma destas. Clark (2007) define sinergismo como dois ou mais agentes que trabalham em conjunto para produzir um resultado não obtido por nenhum dos agentes de forma independente.

De acordo com Castro (2007), o sinergismo entre a Gestão de Saúde e Segurança Ocupacional e a Gestão Ambiental se dá devido às várias características que são inerentes e semelhantes em ambos os sistemas de gestão. Questões como abrangência e interdependência no controle de impactos à SSO e impactos ambientais, complementaridade de implantação entre as normas OHSAS 18001 e ISO 14001, sua estrutura comum baseada no PDCA e o completo espelhamento dos requisitos são alguns dos aspectos em comum.

O processo produtivo da construção civil é conhecido pela existência de riscos de acidentes e de doenças profissionais e também pelos impactos que gera no meio ambiente. De acordo com Félix (2007), dada a natureza e as características intrínsecas da indústria da construção civil, há necessidade de criar e adaptar novas formas de gerenciamento para a segurança ocupacional e para o meio ambiente, de modo a permitir a estas empresas uma melhor adequação aos novos valores sociais emergentes.

Este artigo apresenta uma investigação científica realizada em uma empresa da construção civil com o objetivo de identificar os pontos comuns e o sinergismo entre a Gestão da Saúde e Segurança Ocupacional e a Gestão Ambiental.

2. MATERIAIS E MÉTODOS A investigação que se apresenta neste trabalho foi realizada em uma empresa construtora de médio porte, do sub-setor de edificações, atuante há quinze anos nos estados da Paraíba e Rio Grande do Norte (Brasil). O fato da empresa possuir, desde 2003, a certificação da ISO 9001 (certificação da qualidade) e certificação no nível A do Programa Brasileiro de Qualidade e Produtividade do Habitat (PBQP-H), é indicador da existência de um modelo de gestão coerente e de boas práticas para o funcionamento deste modelo. A empresa investigada há treze anos não registra acidente de trabalho com afastamento de seus funcionários e desenvolve uma gestão de resíduos de construção e demolição bastante eficiente.

Como técnica de coleta de dados utilizou-se a entrevista (no escritório da empresa, com pessoas do nível gerencial) e a pesquisa documental (nos documentos fornecidos pela empresa, tais como: procedimentos, registros, relatórios, etc). A entrevista foi do tipo padronizada ou estruturada, ou seja, foi utilizado um roteiro previamente estabelecido, onde as perguntas feitas aos entrevistados foram elaboradas à luz dos itens do Capítulo 4 da ISO 14001 (Requisitos do Sistema de Gestão Ambiental) e dos itens presentes no mesmo capítulo da OHSAS 18001 (Elementos do Sistema de Gestão de Saúde e Segurança Ocupacional), com o objetivo de identificar os pontos comuns entre a Gestão Ambiental e a Gestão de SSO. A pesquisa documental teve o objetivo de verificar a veracidade das respostas obtidas durante a entrevista.

3. RESULTADOS E DISCUSSÃO Tomando como base a semelhança dos requisitos das normas ISO 14001 e OHSAS 18001 (política, planejamento, implementação e operação, verificação e análise crítica), foi feita a identificação dos pontos comuns e do sinergismo entre os propósitos de gestão considerados neste estudo, ou seja, os requisitos das normas de gestão Ambiental e de SSO serviram como uma fonte de evidências para se estabelecer o sinergismo entre o propósito de Gestão Ambiental e de SSO nas empresas da indústria de construção civil de João Pessoa.

3.1 Política A política estabelece o sentido geral de comando e fornece uma estrutura para ação, sendo utilizada como base para o planejamento das ações dos propósitos de gestão. Esta é a fase em que a organização mostra o seu comprometimento em relação ao meio ambiente e à saúde e segurança.

Na empresa entrevistada, a política de gestão estava adequada à natureza e à escala dos impactos à SSO e ao meio ambiente das atividades e serviços da empresa, iniciando-se com uma breve idéia do setor de negócios, prática esta interessante, pois permite ao leitor melhor compreender as considerações feitas em seguida. Nesta empresa o compromisso com a melhoria contínua está explícito no texto da própria política, porém não foram encontradas disposições que constituam alicerces para o estabelecimento e revisão de objetivos e metas. A empresa afirmou revisar periodicamente, ou seja, em intervalos regulares, suas políticas de gestão ambiental e de SSO como garantia contínua de adequação e eficácia, mas não especificou ao certo a periodicidade desta revisão.

3.2 Planejamento Após ser definida uma política que declare o que é desejado, o próximo passo lógico é planejar como ela deverá ser colocada em prática. A estrutura das normas dos propósitos de gestão considerados neste trabalho relaciona os seguintes temas que devem ser cobertos: identificação e avaliação de aspectos, impactos e riscos; identificação de requisitos legais e outros requisitos; objetivos e metas e; programa de gestão integrada.





A empresa apresentou todos os documentos solicitados: o Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA), o Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho (PCMAT), o Estudo de Impactos Ambientais (EIA) e o Relatório Impactos ao Meio Ambiente (RIMA), demonstrando assim uma preocupação com a saúde e segurança do trabalhador e com a preservação ambiental, porém esses programas não estavam integrados ou faziam referências uns aos outros.

A empresa não apresentou um documento contendo a legislação (municipal, estadual, federal, internacional e acordos coletivos) e/ou instruções normativas (Normas Regulamentadoras do Ministério do Trabalho e Emprego e normas do CONAMA/SISNAMA) aos quais está sujeita.

Apesar de não apresentar em sua política de gestão evidências que possam representar alicerces para o estabelecimento de objetivos e metas, foram apresentados documentos comprovando a existência de objetivos e metas de SSO e de meio ambiente de forma isolada. Esse fato mostra a dificuldade da empresa em organizar seus propósitos de gestão de forma conjunta e com isso conseguir resultados mais consistentes em sua atuação perante a sociedade.

Conforme dito anteriormente, foram encontrados programas de gestão de SSO e de meio ambiente de forma isolada.

Questionada sobre a existência de um Programa de Gestão de RCD, a empresa apresentou tal programa, porém nele não estão contempladas questões relativas à SSO.

3.3 Implementação e Operação Os itens que compõem essa etapa são: estrutura e responsabilidade, treinamento e conscientização, consulta e comunicação (interna e externa), documentação e controle de documentos, controle operacional e preparação e atendimento a emergências.

Nesta investigação foi comprovada, na empresa, a presença de profissionais responsáveis pela saúde e segurança do trabalhado (engenheiro de segurança, médico do trabalho e técnicos de segurança) e treinamento dos empregados em

relação às questões de saúde e segurança, bem como em relação às questões ambientais, abordando os seguintes temas:

utilização de EPI; cuidados durante a realização de atividades; existência de riscos ocupacionais no canteiro de obras;

condições de limpeza e ordem no local de trabalho; e gerenciamento de resíduos (condicionamento, transporte e reutilização e reciclagem de Resíduos de Construção e Demolição).

A empresa afirmou realizar consulta e comunicação em relação às questões de SSO e de meio ambiente, porém não existiam os registros dessas atividades. Quanto a periodicidade, a empresa disse não possuir um período determinado para realização destas consultas e comunicações. E quanto a forma de realização destas consultas e comunicações ocorre através de reuniões e da aplicação de questionários junto aos seus funcionários.

Questionada sobre a existência da documentação dos seus propósitos de gestão, a empresa afirmou possuir a documentação referente à Gestão de SSO e à Gestão Ambiental, comprovando a existência destes quando solicitados.

Quanto a forma de registro, foram apresentados documentos impressos e disponíveis em meio eletrônico.

Percebeu-se também que há a preocupação no controle de acesso e de utilização dos documentos referente às questões ambientais e de SSO e que estes documentos estão arquivados em um setor específico e são divulgados junto às partes interessadas (stakeholders). Durante a realização desta pesquisa não foi percebida a integração da documentação referente às questões de SSO e de meio ambiente, gerando assim um volume maior de documentos.

A empresa possuía controles operacionais de SSO e de meio ambiente desenvolvidos por profissionais habilitados (e partes interessadas) e afirmou que estes estão disponíveis para consulta.

Foi comprovada a existência de planos de emergência relacionados ao meio ambiente e à saúde e segurança ocupacional, porém não foram comprovados testes ou simulações com seus funcionários a fim de verificar sua eficácia.

3.4 Verificação e análise crítica Após a implementação e operação de um propósito de gestão é preciso verificar e monitorar o sistema, descobrir problemas e corrigi-los. Para tanto faz parte desta etapa o monitoramento e medição de desempenho e as auditorias dos propósitos de gestão. A etapa final no processo básico de gerenciamento é a análise crítica que garante a implantação da melhoria contínua.

Nos documentos foram encontradas evidências que comprovam a realização de monitoramento e de medições do desempenho dos propósitos de gestão.

Occupational Safety and HygieneInternational Symposium on

Quanto às auditorias, a empresa as realiza apenas nas questões referentes à SSO e de maneira interna à organização.

Foram apresentados documentos que comprovaram a realização das auditorias internas, porém não foi afirmado ao certo a freqüência ou periodicidade destas auditorias.

Quanto ao o envolvimento da alta administração na análise crítica dos propósitos de gestão, os entrevistados afirmaram que os propósitos de SSO e de meio ambiente eram analisados criticamente pela alta administração, porém não souberam afirmar ao certo o prazo em que a análise crítica é realizada.

4. CONCLUSÃO Atualmente o mercado passou a exigir que os produtos e serviços tragam consigo o comprometimento das empresas com a sustentabilidade ambiental e proteção à integridade física e saúde dos trabalhadores. Sendo assim, a busca por um desempenho e/ou desenvolvimento de atividades produtivas orientadas para esta nova tendência faz com que as organizações adotem práticas de sistemas de gestão integrados e sinergéticos..

As normas ISO 14001 e OHSAS 18001 possuem pontos em comum, baseadas no ciclo PDCA, o que permite o sinergismo entre o propósito de Gestão Ambiental e de SSO. Esta sinergia existente assegura um sistema de gestão integrado onde benefícios podem ser alcançados, tais como: redução de custos de certificação e manutenção dos sistemas de gestão; simplificação da documentação; atendimento estruturado e sistematizado à legislação ambiental e de SSO, etc.

Esta pesquisa identificou que, apesar da empresa participante ter noção da necessidade de prevenir os riscos de trabalho e de impactos ambientais, normalmente pelos altos custos que representam e pela própria responsabilidade social, o sinergismo entre a Gestão de SSO e a Gestão Ambiental não ocorre, isto é, os propósitos de gestão atuam separadamente.

Neste cenário a abrangência de atuação dos propósitos de gestão se torna limitada, não sendo estabelecida uma relação de causa-efeito entre os mesmos. Pode-se perceber assim, através dos resultados obtidos, o desconhecimento dos gestores acerca da inter-relação existente entre SSO e meio ambiente e consequentemente do sinergismo que existe entre os propósitos de gestão considerados neste estudo.

A utilização de uma visão sinergética permite um funcionamento articulado entre os propósitos de gestão, possibilitando um aproveitamento total do potencial destes princípios, além de contribuir com a sustentabilidade organizacional através de uma série de políticas interligadas e por meio das operações organizacionais e processos de tomadas de decisões que tem por objetivo garantir que as empresas venham a maximizar os impactos positivos de suas atividades em relação a sociedade.

5. REFERÊNCIAS Castro, D.C. (2007). O sinergismo entre as normas OHSAS 18001 (Saúde e Segurança Ocupacional) e ISO 14001 (Sistema de Gestão Ambiental) para a implantação de Sistemas de Gestão Integrados. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Gestão Ambiental) - Universidade do Vale do Paraíba, São José dos Campos.

Clark, C.R. (2007). The Synergy of the Commons: Learning and Collective Action in One Case Study Community. Durham: Duke University.

Féliz, M.C. (2007). Segurança do Trabalho na Indústria da Construção. 2007. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção) – Universidade Federal Fluminense, Rio de Janeiro.

Seiffert, M.E.B. (2008). Sistemas de Gestão Ambiental (ISO 14001) e Saúde e Segurança Ocupacional (OHSAS 18001): vantagens da implantação integrada. São Paulo: Atlas.

Risk analysis of accidents in activity mining: The case of mining Serra Branca/Brazil Vasconcelos, S. C. S.a, Vasconcelos, C. I. S.a, Barbosa, E. A. a, Albuquerque Neto, H. C.b a Federal University of Campina Grande, Academic Unit of Industrial Engineering, Av: Aprígio Veloso, 882 Bodocongó.

Campina Grande-PB Brazil, email: sandrascvasconcelos@hotmail.com; bDepartment of Industrial Engineering and Management, University of Porto, Dr. Roberto Frias S/N 4200-465, Porto/Portugal, e-mail: helio.neto@fe.up.pt



Pages:     | 1 |   ...   | 149 | 150 || 152 | 153 |


Similar works:

«Stochastic Analysis of Long-Term Multiple-Decrement Contracts Matthew Clark, FSA, MAAA, and Chad Runchey, FSA, MAAA Ernst & Young LLP Published in the July 2008 issue of the Actuarial Practice Forum Copyright 2008 by the Society of Actuaries. All rights reserved by the Society of Actuaries. Permission is granted to make brief excerpts for a published review. Permission is also granted to make limited numbers of copies of items in this monograph for personal, internal, classroom or other...»

«Papeles de Población ISSN: 1405-7425 rpapeles@uaemex.mx Universidad Autónoma del Estado de México México Ramírez García, Telésforo; Román Reyes, Patricia Remesas femeninas y hogares en el estado de Guanajuato Papeles de Población, vol. 13, núm. 54, octubre-diciembre, 2007, pp. 191-224 Universidad Autónoma del Estado de México Toluca, México Available in: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=11205408 How to cite Complete issue Scientific Information System More information about...»

«MANTENIMIENTO Y REPARACIÓN DE EQUIPOS CONTRATO DEL PROGRAMA Proveedores del programa*: Sprint Asurion Warranty Protection Services, LLC Asurion Warranty Protection Services of Florida, LLC Asurion Warranty Protection Services of Puerto Rico, Inc. Para mantenimiento, visite un Centro de reparación de teléfonos Sprint. Para encontrar uno, visite sprint.com/storelocator o llame a Atención al cliente de Sprint, al 800-639-6111. Puede escribirnos a Atención al consumidor para mantenimiento...»

«CREATIVE STUDENT ASSESSMENT A Guide to Developing Meaningful Evaluation Reprinted October 2003 Creative Student Assessment A Guide to Developing Meaningful Evaluation Reprinted October 2003 Permission is given to reproduce this manual as long as acknowledgment is given to Manitoba Advanced Education and Training, Adult Learning and Literacy. This document is also available in PDF format. Send requests to literacy@gov.mb.ca Adult Learning & Literacy 310-800 Portage Avenue Winnipeg, Manitoba R3G...»

«Estructuras de acero Métodos de análisis1 1. Introducción La verificación de la resistencia de las secciones, la estabilidad de las barras de la estructura o de los perfiles que las componen, y quizá la fatiga, exigen conocer de antemano el reparto de las fuerzas internas2 en la estructura; de aquí se puede deducir el reparto de las tensiones en cualquier sección que se requiera. La expresión «fuerzas internas» designa generalmente y se refiere a las fuerzas axiales, fuerzas...»

«THE 15 th INTERNATIONAL TEXTILE AND FASHION CONFERENCES SELF BRANDING THROUGH INSTAGRAMING? Saturday, April the 25th, 2015 / 11.30am Moderator Jessica Michault, Rédactrice en chef, Nowfashion Speakers Michel Campan, Fondateur et Président, Same Same but different ; Jean-Charles de Castelbajac, Créateur ; Felipe Oliveira Baptista, Créateur ; Uche Pézard, Executive Director, Luxe Corp ; Simon Porte Jacquemus, Fondateur et directeur artistique, Jacquemus Jessica Michault Thank you all for...»

«Matti rantanen, accordion Missa Brevis a M ass f or ac c ordion Messu harmonikalle: Missa Brevis Suomalaisessa musiikkimaisemassa 1800-luvulla pienet 1ja 2-riviset harmonikat olivat sivistyneistölle ja kirkollisille piireille ”pirun keuhkoja” ja ”synnin pussipelejä”. Tuon ajan kirkkoherrat saattoivat omin käsin lyödä palasiksi löytämänsä harmonikat, jotta ”paholainen niillä ei tanssittaisi ihmisiä helvettiin”. Pienet diatoniset harmonikat soivat siellä missä nuoriso...»

«Instruction Manual for 60cm Electric Oven BOSE65XP Dear Customer, Thank you for buying a BLANCO oven. Before we continue telling you about this oven, we cordially invite you to become part of the Blanco family by subscribing online. Please visit our website where you can easily register for product/cooking demonstrations, and request Blanco’s gourmet recipes. Go to www.blanco-australia.com and fill in the subscription details in the contact us/showrooms section. You will find that the clean...»

«Part 6: Sicily and the Italian Campaign (July ′43 – April ′45) A BP decrypt of a Luftwaffe message revealed that the Axis expected an invasion at 1) Sicily or 2) Crete, Corsica, or Sardinia The actual plan, Operation Husky, was the invasion of Sicily. [HH p. 178]. One of the most brilliant deceptions of the war (Operation Mincemeat), described in Ewan Montagu’s book, The Man Who Never Was, was an attempt to convince the Germans that the invasion would take place in Sardinia and Greece,...»

«PRELIMINARY OFFICIAL STATEMENT DATED JANUARY 4, 2016 This Preliminary Official Statement and the information contained herein are subject to completion or amendment. These securities may not be sold, nor may offers to buy them be accepted, prior to the time the Official Statement is delivered in final form. Under no circumstances shall this Preliminary Official Statement constitute an offer to sell or the solicitation of an offer to buy, nor shall there be any sale of, these NEW ISSUE – FULL...»

«MINISTERING IN MOTHER TERESA'S HOME FOR THE DYING DESTITUTES, CALCUATTA, INDIA Personal Observations and Experiences Dr. JoAnn Ford Watson* I had the opportunity to travel to India and serve as a missionary volunteer in May, 1988 in Mother Teresa's Home for the Dying Destitutes, Nirmal Hriday in Calcutta. Nirmal Hriday means Place of the Pure Heart. As a missionary volunteer, I worked with the nuns of Mother Teresa's order, the Missionaries of Charity and the Missionaries of Charity Brothers...»

«Report of the Independent Consultant’s Review with Respect to the Department of Energy Loan and Loan Guarantee Portfolio January 31, 2012 TABLE OF CONTENTS Page I. INTRODUCTION A. The White House Mandate B. The Portfolio C. Evaluation of the Portfolio D. Current Management and Governance E. Early Warning System II. APPOINTMENT OF THE INDEPENDENT CONSULTANT AND TEAM; ASSIGNED TASKS; METHODOLOGY A. Assigned Tasks and Deadlines B. Qualifications of the Independent Consultant C. The Independent...»





 
<<  HOME   |    CONTACTS
2016 www.theses.xlibx.info - Theses, dissertations, documentation

Materials of this site are available for review, all rights belong to their respective owners.
If you do not agree with the fact that your material is placed on this site, please, email us, we will within 1-2 business days delete him.