WWW.THESES.XLIBX.INFO
FREE ELECTRONIC LIBRARY - Theses, dissertations, documentation
 
<< HOME
CONTACTS



Pages:     | 1 |   ...   | 9 | 10 || 12 | 13 |   ...   | 153 |

«FICHA TÉCNICA Título Segurança e Higiene Ocupacionais - SHO 2012 - Livro de Resumos Autores/Editores Arezes, P., Baptista, J.S., Barroso, M.P., ...»

-- [ Page 11 ] --

4. CONCLUSÃO A promoção da saúde no local de trabalho se refere à combinação de educação em saúde e programas com intervenções destinadas a facilitar a mudança de comportamento e adaptação do ambiente. Isto é demonstrado neste trabalho, pela falta de limpeza e manutenção dos sistemas representados pelos resultados obtidos nas análises realizadas, devido principalmente ao descaso com a higienização dos equipamentos. Limpeza das caixas de água e desinfecção dos bebedouros são ações simples, mas negligenciadas por muitos, para os quais esses cuidados passam despercebidos.

Portanto, há a necessidade da elaboração de uma política de água que orientará as medidas a serem adotadas, tanto na prevenção ativa quanto passiva. As capacitações, que aprimorarão o funcionário ao mesmo tempo em que o conscientizará a respeito de Segurança do Trabalho, também devem fazer parte desta política.

Trabalhadores saudáveis, motivados e bem qualificados, contribuem fundamentalmente para o desenvolvimento das empresas e também em seu lar. Deve a empresa zelar pela saúde de seus funcionários, independente do custo.

5. REFERÊNCIAS BAPTISTA, MN; CAMPOS, DC. (2007). Metodologias de Pesquisa em Ciências – análises quantitativas e qualitativas. Rio de Janeiro: LTC.

BRASIL, (2002). As Cartas da Promoção da Saúde / Ministério da Saúde, Secretaria de Políticas de Saúde, Projeto Promoção da Saúde. Brasília: Ministério da Saúde.

BRASIL, Higienização das mãos. Governo de São Paulo. Retirado 2 de julho de 2011, de http://www.philadelpho.com.br/pdf/gripe1.pdf BRASIL. (2005). Boletim Eletrônico Epidemiológico. Secretaria de Vigilância em Saúde – Ministério da Saúde. Brasília, v.5, n.6, dez.

2005.

MENDES, ACM. (2004). Desenvolvimento e Saúde: a declaração de Alma-Ata e movimentos posteriores. Ribeirão Preto: Revista Latino-Americana de Enfermagem Vol.12 n.3 May/June de 2004. Retirado 12 de novembro de 2011 de http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-11692004000300001.

Occupational Safety and HygieneInternational Symposium on

A prática de prevenção de acidentes em uma instituição de ensino brasileira:

Colégio Bom Jesus

Practice for the prevention accidents in a brazilian teaching institution:

College Bom Jesus Andrzejewski, Neide a, Maia, Rosmeire Paez b, Prado, Luiz Mauricio Wendel c a Associação Franciscana de Ensino Senhor Bom Jesus, Rua Rafael Arcanjo Machado, 81 – Curitiba - Brasil, email: neidea@bomjesus.br; b Associação Franciscana de Ensino Senhor Bom Jesus, Rua Odilon Santana Gomes, 279 / 02 – Curitiba - Brasil, email: rosmeirem@bomjesus.br; c FAE Centro Universitário, Rua Capistrano de Abreu, 1052 / 02 – Curitiba – Brasil; email: luizwp@bomjesus.br

1. INTRODUÇÃO “Deve-se partir da premissa [de] que nem tudo possui segurança absoluta em qualquer tipo de atividade humana” (TORREIRA, 1999) e as escolas servem como um mundo em escala reduzida em que acidentes acontecem, mas em que podem fomentar a disseminação da prevenção destes eventos, tanto nela mesma como em nossa sociedade.

A preocupação dos profissionais da área de Segurança do Trabalho não deve ser exclusiva com os empregados da empresa, principalmente quando no ambiente de trabalho circulam milhares de alunos da educação infantil ao Mestrado.

Mas se um acidente ocorrer, deve haver um quadro de funcionários prontos a agir, como o de um Departamento de Saúde Escolar e Ocupacional - DSEO, com Médicos e Enfermeiras.

O Ensino escolar é uma atividade econômica cujos índices de acidentes do trabalho vêm aumentando nos últimos anos e que, apesar de ter ainda índices baixos, comparado a outras atividades, deveria ser mais discutido e abrangente, pois é ali que hoje estão os trabalhadores de amanhã e a melhor forma de se prevenir acidentes é com a conscientização, portanto, nada melhor do que começar quando pequeno, não apenas falando de segurança dentro de uma sala de aula, mas sim, dando os exemplos práticos do que é isto, já que justamente nesta fase natural do aprendizado, a criança persegue um modelo para seguir, pois observa tudo o que acontece ao seu redor: se os funcionários estão usando Equipamentos de Proteção Individual - EPI, agindo com segurança, etc. Portanto, ao “exercer e fazer exercer segurança,” os profissionais estarão dando exemplos de atitudes a serem tomadas. Mas se estes exemplos forem de negligência com relação às normas de segurança, já se pode ter uma idéia de como será o futuro.

2. METODOLOGIA A fim de se comprovar os objetivos deste trabalho, foi adotada uma metodologia que foi dividida em três fases. A primeira foi a busca de referências na literatura que retrata estratégias envolvendo a prevenção de acidentes em Instituições de Ensino - IE, disponível em bibliotecas brasileiras e de outros países, via internet, como Chile, Espanha e Portugal. Para a segunda fase, foram realizadas entrevistas com funcionários de uma IE além de observações diretas, que segundo Yin (2005, p.120), "De uma maneira mais informal, podem-se realizar observações diretas ao longo da visita de campo, incluindo aquelas ocasiões durante as quais estão sendo coletadas outras evidências, como as (...) provenientes de entrevistas". Também foram utilizados dados de acidentes fornecidos pelo DSEO da IE, padronizando conceitos como traumas e atendimentos pela equipe de Enfermagem. A terceira fase foi um estudo de caso que "é uma investigação empírica que – investiga um fenômeno contemporâneo dentro de seu contexto da vida real, especialmente quando – os limites entre o fenômeno e o contexto não estão claramente definidos". Portanto, o estudo de caso é uma metodologia, adequada para poder avaliar como o tema proposto é testado na prática (YIN, 2005). A fim de se aprofundar as informações levantadas nas duas fases anteriores e de identificar possíveis estratégias, optou-se por realizar o estudo de caso no Colégio Bom Jesus, que é uma IE com mais de 110 anos de atividade com 30 unidades em 5 estados brasileiros com quase 26 mil alunos e 3.000 funcionários.





3. A PREVENÇÃO DE ACIDENTES EM INSTITUIÇÃO DE ENSINO

Querendo disseminar o ideal prevencionista, aperfeiçoando a sua Excelência de ensino, o Colégio Bom Jesus vem realizando trabalhos em três frentes: no ambiente, com os funcionários (inclusive terceirizados) e alunos.

3.1 Prevenção de acidentes no ambiente de trabalho e de estudo Um dos trabalhos realizados diz respeito à própria edificação, que deve merecer atenção especial, pois de nada adianta termos pessoas preparadas, setores empenhados, se o lugar onde tudo isto se encontra estiver em decadência física. Além de resultar em uma condição insegura para todos, também desmotiva aquele que quer colaborar. Isto é retroceder o

caminho conquistado. Por isto, o ambiente físico deve receber atenção periódica e especial, como por exemplo:

- Cantinas e refeitórios inspecionados frequentemente, desde a condição higiênica do local e de seus empregados até o prazo de validade dos produtos oferecidos, conforme a legislação RDC No 216, de 15/9/04 da ANVISA (2004);

- Pisos com fita ou pintura antiderrapante nas escadas, além dos corrimãos estarem de acordo com as normas vigentes;

- Nos banheiros, além das condições básicas de higiene, também atenção especial aos vasos sanitários, pisos e paredes;

- Toda a parte elétrica, desde a “entrada” aos equipamentos ligados, revisados por profissionais especializados;

- A sinalização dos extintores de incêndio deve ser detalhada, ou seja, especificar onde deve e não deve ser usado, pois assim qualquer pessoa (principalmente os alunos na fase de alfabetização) pela simples leitura, mesmo incidental, poderá ter alguma noção do equipamento.

- Nos laboratórios didáticos de Química e de Biologia, há vários itens que merecem atenção, principalmente no que se refere à manutenção como cadeiras, bancadas, pias, piso etc. Havendo gás, que ele preferencialmente deve vir de uma central. Quanto aos bicos de Bunsen eles devem permanecer preferencialmente presos à bancada, podendo ser de condutor de plástico flexível protegido externamente por um pequeno cano de cobre, que evite incidentes com a ponta seca do compasso de alunos, além de um eficiente sistema de detecção de vazamento de gás ligado a uma central de monitoramento. O descarte das práticas também deve ser ordenado, evitando impacto ambiental;

- A arquitetura de alguns colégios muitas vezes contribui para o aumento dos níveis de ruído, prejudicando tanto o aprendizado do aluno, comprometendo o seu rendimento escolar, como também o do professor, que tem de falar mais alto para poder competir com o barulho. Em alguns casos, existe a necessidade de forrações e isolamentos acústicos em determinados locais ou dependendo da situação, a instalação de janelas termo-acústicas, reduzindo a poluição sonora no interior da sala. A medição de ruído em pátios pode, dependendo de alguns fatores, ultrapassar os 100 dB (A);

- Quase todas as IE possuem aparelhos e/ou centrais de ar condicionado, principalmente nas áreas administrativas, mas são poucas que proporcionam manutenção nestes equipamentos e muito menos de um Plano de Manutenção Operação e Controle – PMOC de acordo com a portaria No 3.523/GM de 28/09/98, que tem como finalidade a minimização da possibilidade do aparecimento da Síndrome dos Edifícios Doentes – SED, que “Consiste num número de sintomas que são comuns na população em geral, mas pode num senso temporal ser relacionado a um edifício em particular (KULCSAR NETO, 2000)”. Atenção especial deve ser dada às bibliotecas devido à existência de muito papel, sendo que muitos destes são antigos, com a provável presença de fungos e bactérias;

- O aspecto ergonômico também não pode ser esquecido principalmente para aqueles funcionários que possuem atividades de digitação constante. Deve-se utilizar almofadas ergonômicas para punhos e mouse, filtros para monitores de computadores que poderão reduzir consideravelmente a fadiga da visão, além de salas bem ventiladas e iluminadas que também são responsáveis pelo bom andamento do serviço. Um dos itens mais importantes é que os móveis devem estar adequados para a tarefa a ser executada dentro de um lay-out funcional;

- Muito importante para a manutenção da qualidade de vida dos funcionários e alunos, refere-se a uma política de manutenção de qualidade da água. Ela envolve tudo referente ao consumo de água, como: piscinas; caixas de água;

bebedouros de pressão e de galão, etc. Esta política determina os tipos de análises a serem realizadas nos diferentes pontos, assim como a periodicidade de sua realização e procedimentos a serem tomados para a limpeza e manutenção da qualidade da água utilizada. Um dos principais itens envolvendo a manutenção da qualidade da água refere-se aos bebedouros de galão, pois, por suas características "in natura", não passam por qualquer processo que altere suas características bacteriológicas, químicas e físico-químicas desde o momento da captação até o envase. Estes procedimentos são recomendados para que a água mineral natural continue inalterada até o consumo, já que existem bactérias e fungos no ar, nos reservatórios e nos bebedouros, quando não higienizados.

- O parquinho (playground) é um dos locais que geram os maiores índices de acidentes, seja pela falta de supervisão dos adultos ou pela ausência de manutenção. Recomenda-se que a manutenção seja feita a cada três meses verificando a presença de superfícies cortantes, parafusos soltos, desgaste de engrenagens etc. (WAKSMAN, 2005, p. 77).

Para que toda esta organização funcione de acordo, é fundamental o lado humano, a conscientização de todos os professores e funcionários, pois como mencionado, muitas crianças estão se espelhando em comportamentos para a formação de seus próprios conceitos, portanto não basta as pessoas agirem corretamente, o próprio ambiente escolar deve ser funcional e seguro, não apenas para a prevenção de acidentes, mas também para mostrar, através deste exemplo, como deve ser um local seguro.

3.2 Prevenção de acidentes com os funcionários Uma outra frente se refere aos funcionários. Deve-se lembrar que em uma IE, principalmente do porte da estudada, há grande diversidade de níveis de escolaridade (de semi-analfabetos a professores com PhD), portanto, é impossível manter a mesma linguagem ao mesmo tempo para todos, principalmente quando se fala em Segurança do Trabalho, assunto não entendido e/ou não aceito por grande parte da comunidade envolvida. Uma coisa, porém, todos têm em comum: as desculpas com relação à segurança. Quase sempre são as mesmas, independente do grau de alfabetização: “Não preciso disto!”; “Trabalho aqui há muito tempo e nunca me aconteceu nada!”; “Isto não funciona!” e muitas outras que todos da área da segurança já conhecem.

A imagem de IE como fortalezas onde nada poderá atingir os seus ocupantes, é derrubada quando é realizado um levantamento sobre os acidentes de trabalho ocorridos com os funcionários. Foi possível constatar que o corpo docente (mais da metade do quadro funcional) corresponde a 32% destes eventos, enquanto que os administrativos a 17%, e zeladoria a 15%. Os demais eventos referem-se a inspetores, cozinheiras, manutenção entre outros. O Colégio Bom Jesus propaga que a sua filosofia de trabalho é que todos são educadores, da zeladora ao diretor, do terceirizado ao administrativo e uma das ferramentas para a realização deste trabalho é o treinamento direcionado, ou seja, praticamente todas as atividades possuem as suas respectivas capacitações, onde são apresentados os seus riscos, prevenção, etc.,

sempre com uma linguagem condizente com a realidade. Algumas medidas se destacam:

Occupational Safety and HygieneInternational Symposium on



Pages:     | 1 |   ...   | 9 | 10 || 12 | 13 |   ...   | 153 |


Similar works:

«DIOCESE DE DEDOUGOU I. GENERALITES : 1. Date de création du diocèse : 14 avril 2000 par division de l’ancien diocèse de Nouna-Dédougou 2. Superficie : 28 374 km² 3. Population : 1 434 847 (statistiques de décembre 2006) 4. Catholiques du diocèse : Baptisés : 113 405 () Catéchumènes : 14 406 5. Religion traditionnelle : 45% environ 6. Islam : 454 058 7. Protestants : 4% environ A. ADRESSE COMPLETE : 1. Evêché : Monseigneur Judes BICABA B.P. 30 Ŕ Dédougou Tél. : 20 52 00 37 ou 20...»

«Final Evaluation Report for Sub 21 Wallsend “It’s just like once in a blue moon you get an opportunity like this really innit? There’s nowt really out there for people our age and no wonder they have a drink and do stuff like that” March 2012 Karen Laing Jill Clark Liz Todd Acknowledgements The authors would like to thank all those involved who made this research possible. The evaluation was made possible by an award to the Sub 21 project by Mentor UK, and we are grateful to them for...»

«An Open, Distributable, Three-tier Client-Server Architecture with Transaction Semantics by Norman G. Depledge, William A. Turner, and Alexandra Woog ABSTRACT This paper describes a distributable, three-tier client-server architecture for heterogeneous, multivendor environments based on the integration of Digital's ObjectBroker and ACMSxp transaction processing monitor products. ObjectBroker integration software provides the flexibility to decouple the tight association between desktop devices...»

«Rhian Morgan, 117 Ethnography on the Cyberian Frontier Ethnography on the Cyberian Frontier I stepped out of the teleport station and looked over to the glittering high-rises that stretched towards the purple skyline, framing the entrance to the port. I ran silently over the faux-wooded boardwalk towards the buildings, skipped effortlessly up multiple flights of stairs and looked back over the sea, away from the city and across to the mountainous wilderness of Calypso. This was Port Atlantis,...»

«Owner’s Manual For packing and maintenance of TNT System Manual P/N 510500 Original Release: December 2013 Price $25.00 ! WARNING ! Parachuting is a hazardous activity that can result in serious injury or death. Failure to follow all warnings, instructions and required procedures may result in serious injury or death. Parachutes sometimes malfunction even when they are properly designed, built, assembled, packed, maintained and used. The results of such malfunctions are sometimes serious...»

«north island the team BRUCE SIMPSON MANAGING DIRECTOR Bruce Simpson started his ecotourism career in 1990 working as a guide in the well-known Sabi-Sand Game Reserve of South Africa. Here he worked his way through a variety of industry roles from guiding to lodge management and more with companies like Londolozi, & Beyond and Singita. In the early 2000s Bruce moved to Botswana to join Wilderness Safaris as the Chief Operating Officer for that country based in Maun. After a couple of years of...»

«Case and Coordination in Japanese Reiko Vermeulen University College London 1 Non-constituent coordination The Japanese particle to ‘and’ is generally considered a coordinator of nominals. It is phonologically weak and cliticises onto an immediately preceding element, as illustrated in (1). The examples in (2) show that it indeed cannot coordinate two verbs or adjectives. (1) John-ga [Mary-to Bill]-o mita John-Nom Mary-and Bill-Acc saw ‘John saw Mary and Bill.’ (2) a. *sono inu-ga...»

«Tratamientos de acondicionamiento de aguas naturales y efluentes secundarios para procesos de filtración por membrana. Aplicación de la técnica de recuento de partículas Por: Joan Sanz Ataz (*), Elisenda Taberna Camprubí (*), Leopoldo Guerrero Gallego (*), Antoni Bernal Llucià (**) y Joan Boix Berna (**) (*) Veolia Water Systems Ibérica Edif. Augusta Park. Avda. Vía Augusta, s/n 08190 Sant Cugat del Vallès (Barcelona) E-mail: joan.sanz@veoliawater.com (**) Aigües de Barcelona Passeig...»

«Elders in Schools Handbook A Guide for District Education Authorities and Divisional Education Councils in the Northwest Territories Territorial Pilot 2013-14 Cover Photo (Clockwise spiral from top left) Elder reading with baby in 2013. Wendy Stephenson Photo. | Celine Wanazah sharing knowledge at Heritage Fair, 2010. Elder setting snare at the Empowerment Camp in Behchokö 2007. | James Pokiak teaching Inuvialuit games in Tuktoyaktuk, 2007. | Alfred Taniton explaining how to set dead-fall trap...»

«School report Oxfordshire Hospital School Raymund Road, Old Marston, Oxford, OX3 0SW Inspection dates 6–7 December 2012 Previous inspection: Good 2 Overall effectiveness This inspection: Good 2 Achievement of pupils Good 2 Quality of teaching Good 2 Behaviour and safety of pupils Outstanding 1 Leadership and management Good 2 Summary of key findings for parents and pupils This is a good school.  Students make good progress in each of the  The headteacher, with the support of school's...»

«petertan.net VISUALIZING IN THE SPIRIT SERIES THE POWER TO DECREE This Bible is the Word of God. It does not contain the Word of God. It is the Word of God. It changes my life. It changes my heart and it gives me a new vision. I am what it says I am. I can do what it says I can do in Jesus’ Name. We have been talking about visualizing. We were talking about writing the vision in our hearts. We have covered the ground works. In the last message, we spoke on the practical aspects of...»

«Fli;' HEWLETT.:~ PACKARD Affine Invariant Distances, Envelopes and Symmetry Sets Peter J. Giblin*, Guillermo Sapiro Computer Peripherals Laboratory HPL-96-93 June, 1996 affine invariance, Affine invariant symmetry sets of planar curves are introduced and studied in this paper. Two different distance, envelopes, approaches are investigated. The first one is based on symmetry sets, affme invariant distances, and defines the symmetry set as shape representation the closure of the locus of points...»





 
<<  HOME   |    CONTACTS
2016 www.theses.xlibx.info - Theses, dissertations, documentation

Materials of this site are available for review, all rights belong to their respective owners.
If you do not agree with the fact that your material is placed on this site, please, email us, we will within 1-2 business days delete him.